Flavorizantes

Você está aqui

Home / Química dos Alimentos / Flavorizantes

Balas e doces são apenas alguns exemplos de alimentos que são produzidos com a adição de flavorizantes
Balas e doces são apenas alguns exemplos de alimentos que são produzidos com a adição de flavorizantes

Curtidas

0

Comentários

0

por Jennifer

03 Dec 2014

Compartilhe:

A palavra inglesa flavor significa “sabor e aroma”. Foi daí que surgiu a palavra “flavorizante” que designa substâncias que são utilizadas como aditivos químicos pelas indústrias de alimentos e de aromas, com a finalidade de conferir ou intensificar o aroma e o sabor de determinados alimentos, perfumes e outros produtos.

Nos produtos naturais como as frutas, o aroma e o sabor resultam de centenas de compostos químicos diferentes. O sabor natural do morango, por exemplo, é uma mistura formada por mais de 100 substâncias. O odor natural das frutas, flores e outros produtos naturais é dado por centenas de substâncias voláteis.

Enquanto o cheiro do morango natural é formado por mais de 100 substâncias, o flavorizante que confere o cheiro de morango aos alimentos é só um
Enquanto o cheiro do morango natural é formado por mais de 100 substâncias, o flavorizante que confere o cheiro de morango aos alimentos é só um

Nos produtos industrializados, o sabor e o aroma podem ser conferidos por meio desses extratos naturais extraídos das flores, plantas, frutos etc. Porém, na maioria dos casos, é mais compensativo, no sentido econômico, usar os flavorizantes, que são produzidos artificialmente.

O sabor e cheiro de morango, por exemplo, são dados a sorvetes, balas, doces, coberturas, entre outros, por meio da essência artificial de ananás, que é preparada apenas com a mistura de 6 compostos. Além disso, o flavor de morango também pode ser obtido com apenas um flavorizante, o butanoato de butila (CH3CH2CH2COO(CH2)3CH3).

A letra “F” que aparece em determinadas embalagens, seguida de um algarismo romano, indica que foi adicionado um flavorizante ao produto, segundo as especificações abaixo:

F I: essências naturais;

F II: essências artificiais;

F III: extrato vegetal aromático;

F IV: flavorizante quimicamente definido.

Uma grande parte dos flavorizantes pertence à função orgânica dos ésteres, que são compostos obtidos a partir do ácido carboxílico, no qual o hidrogênio do OH é substituído por um radical orgânico:

O
||
R — C — O — R’
Éster

Veja alguns exemplos:

Exemplos de flavorizantes
Exemplos de flavorizantes


Por Jennifer Fogaça
Graduada em Química

Curtidas

0

Comentários

0

por Jennifer

03 Dec 2014

Compartilhe: