Halogênios

Você está aqui

Home / Química Geral / Elementos Químicos e a Tabela Periódica / Halogênios

A água do mar apresenta vários sais que contêm halogênios
A água do mar apresenta vários sais que contêm halogênios

Curtidas

0

Comentários

0

por Diogo

Compartilhe:
Por Diogo Dias

Os halogênios são todos os elementos químicos pertencentes à família VIIA ou grupo 17 da Tabela Periódica. Esses elementos recebem essa denominação porque são formadores de diversos sais inorgânicos.

Os halogênios são:

  • Flúor (F), número atômico 9

  • Cloro (Cl), número atômico 17

  • Bromo (Br), número atômico 35

  • Iodo (I), número atômico 53

  • Astato (At), número atômico 85

  • Un-un-septium (Uus), número atômico 117

A configuração eletrônica dos halogênios é semelhante. Todos eles apresentam o elétron mais energético localizado em um subnível p, que sempre possui cinco elétrons. Veja a configuração eletrônica de todos os halogênios para comprovar a uniformidade em relação ao subnível mais energético:

Todos os halogênios apresentam o subnível p5 como o mais energético
Todos os halogênios apresentam o subnível p5 como o mais energético

Os halogênios são elementos químicos que, de uma forma geral, não são muito abundantes na natureza. São geralmente encontrados em sais presentes na água do mar, principalmente o flúor, que é encontrado em grande abundância, e o cloro. Já o iodo, o bromo e o astato aparecem na natureza em quantidades extremamente pequenas.

Observação: O elemento Un-un-septium não é encontrado na natureza, pois ele é sintetizado pelo homem em laboratório, ou seja, é um elemento artificial.

De uma forma geral, os halogênios apresentam várias características físicas e químicas relevantes. São elas:

  • Apresentam pontos de ebulição (PE) e de fusão (PF) que aumentam à medida que o número de níveis de energia também aumenta, ou seja, a ordem crescente de PF e PE dos halogênios é:

F<Cl<Br<I<At<Uus

  • Trata-se de elementos de elevadas eletroafinidade, eletronegatividade e reatividade (em relação aos ametais), já que estão localizados à direita da Tabela Periódica. Essas propriedades aumentam à medida que a quantidade de níveis diminui:

F>Cl>Br>I>At>Uus

Observação: A energia de ionização dos halogênios só é menor que a dos gases nobres. Já o raio atômico só é maior que o dos gases nobres.

  • O estado físico desses elementos em temperatura ambiente não é padrão:

A tabela fornece o estado físico de cada um dos halogênios da Tabela Periódica
A tabela fornece o estado físico de cada um dos halogênios da Tabela Periódica

  • Quando se ligam entre si, apresentam-se comumente em forma de substâncias simples diatômicas (F2, Cl2, etc.);

  • São átomos que participam tanto de substâncias formadas por ligação covalente quanto por ligação iônica, em virtude de serem ametais;

  • Para serem estabilizados, os átomos dos halogênios devem receber, no mínimo, um elétron;

  • Como são ametais, são capazes de produzir ânions;

  • O NOX mais comum para os halogênios é o -1.


Por Me. Diogo Lopes Dias

Curtidas

0

Comentários

0

por Diogo

Compartilhe: