Funções Oxigenadas

Home / Química Orgânica / Grupos Funcionais / Funções Oxigenadas

A acetona é, na verdade, a propanona, um composto pertencente à função oxigenada das cetonas (o oxigênio está em vermelho na molécula acima)
A acetona é, na verdade, a propanona, um composto pertencente à função oxigenada das cetonas (o oxigênio está em vermelho na molécula acima)

Curtidas

0

Comentários

0

por Jennifer

08 Oct 2014

Compartilhe:

As funções oxigenadas são formadas por compostos orgânicos que, além de apresentarem átomos de carbono e hidrogênio, possuem grupos funcionais com a presença do oxigênio. Veja os principais exemplos:

* Álcoois: possuem a hidroxila (OH) ligada a um carbono saturado (carbono que realiza somente ligações simples). O composto mais importante desse grupo é o etanol usado como combustível, para desinfecção, em bebidas alcoólicas e perfumes, entre outras aplicações.

* Cetonas: seu grupo funcional é a carbonila (C = O) entre dois carbonos. A acetona ou propanona é muito utilizada como solvente de tintas, vernizes e esmaltes, inclusive os de uso cosmético.

* Aldeídos: seu grupo funcional é a carbonila (C = O) ligada a um hidrogênio. O aldeído de maior aplicação é o metanal, cuja solução a cerca de 40% é conhecida como formol, que é usado como conservante de cadáveres e desinfetante. Infelizmente, o formol tem sido usado ilegalmente em escovas progressivas para alisar os cabelos.

* Ácidos carboxílicos: são caracterizados pelo grupo carboxila (COOH) na extremidade da cadeia. O ácido metanoico ou fórmico é o responsável pela dor intensa sentida na picada da formiga vermelha. Já o ácido etanoico ou acético é o principal constituinte do vinagre.

* Ésteres: são formados pela substituição do hidrogênio do grupo carboxila (COOH) por um grupo alquila ou arila. Os ésteres possuem uma grande importância prática, como na produção de flavorizantes (compostos produzidos artificialmente que conferem odor e sabor aos alimentos industrializados, como balas, bolos, sorvetes, refrigerantes etc).

* Éteres: são compostos orgânicos que possuem o oxigênio entre dois carbonos (C – O – C). O éter comum (etoxietano) já foi usado como anestésico em cirurgias, mas em razão de seus riscos, esse uso foi abandonado. Atualmente ele é mais usado como solvente apolar inerte em reações orgânicas, principalmente na extração de essências, perfumes, óleos, gorduras, entre outros.

Viu só como os compostos que pertencem às funções orgânicas oxigenadas podem ser interessantes? Saiba mais sobre eles por meio dos artigos listados a seguir!


Por Jennifer Fogaça
Graduada em Química

Curtidas

0

Comentários

0

por Jennifer

08 Oct 2014

Compartilhe: